É provável que você tenha medo de dentista. Mesmo não tendo fobia, dificilmente é agradável ir ao dentista.

Se você for uma daquelas pessoas que fica tensa somente para fazer uma pequena profilaxia, imagina para remover o dente do siso.

Estou colocando muito terror? Talvez sim. Primeiro não é necessário tanto medo de ir ao dentista, mesmo se for para extrair o siso. Todos os procedimentos para uma extração são feitos com planejamento e segurança.

Para dar a você mais segurança e menos medo eu quero discutir 5 segredos sobre a remoção do dente do siso. Confira até o final e fique atento ao ponto número 4.

1 – É uma cirurgia (extração do dente do siso) 

extração dente do siso

Sim, isso não tem como negar, é preciso realizar uma cirurgia para remover esse dente. Isso, ocasiona uma limitação passageira pelo trauma desse procedimento.

Esse é o principal fator de você sentir medo e receio. Ninguém em sã consciência acha que realizar uma cirurgia é algo agradável, mesmo as menores. Imagine esse procedimento sendo feita na sua boca.

Entretanto, não entre em pânico, essa cirurgia não é um monstro de 7 cabeças.

Se você seguir as recomendações que o seu dentista lhe informar, o seu pós operatório vai ser muito mais tranquilo.

2 – É preciso ter repouso após remover o dente do siso 

repouso dente do siso

A dica aqui é pura e simples: siga o que o seu dentista te orientar.

O repouso é extremamente importante e um dos principais fatores para você ter um bom pós operatório.

Mas ele não é o único.

É preciso realizar alimentação líquida e pastosa de preferência gelada. Além disso, a higienização é necessária para evitar a infecção da região. Você pode ler um texto completo sobre o pós operatório, aqui.

Após o dentista remover o seu dente, você pode ter alguns sintomas, tais como :

  • Sangramento
  • Inchaço
  • Incômodo na região
  • Ficar roxo

Portanto, o seu pós operatório pode ser péssimo ou ótimo. Isso depende de você seguir as recomendações a risca do seu dentista.

Entretanto, a dificuldade da extração também pode afetar o sua recuperação.

 

 

3 – Existem dentes do siso mais difíceis de serem removidos

dente do siso

Nem toda remoção do dente do siso é igual. Existem dentes consideramos mais fáceis e outros mais complicados.

E como posso saber disso?

Um dos fatores a serem considerados é a posição do dente. Sisos inclinados ou impactados são mais difíceis de remover do que os dentes bem posicionados.  Já que precisamos cortar osso para removê-los, o que gera um trauma maior na região.

Assim, quando mais difícil for para remover o dente e mais tempo demorar para isso, provavelmente o seu pós operatório será mais chato e com mais restrição.

4 – Nem todo os sisos precisam ser removidos

Isso mesmo, você leu certo. Em alguns casos não é necessário remover o dente do siso.

Quando o dente estiver bem posicionado, com espaço para a sua erupção e possa ser higienizado de forma adequada, podemos manter ele na cavidade bucal.

Além disso, dentes que estão com acesso difícil para realizar a extração podem ser deixados sem mexer, desde que sejam acompanhados rotineiramente.

5 – Podemos sentir dor no dente do siso

Você pode estar passando por isso nesse momento.

Caso, o siso esteja incomodando ou a região ao redor dele esteja doendo é mais do que recomendável você ir ao dentista.

O profissional irá analisar o dente do siso, pedir os exame necessários e se for o caso indicar para a extração.

Não fuja dessa situação. A extração do dente do siso não é uma cirurgia de outro mundo. Seguindo as instruções de forma correta, a remoção do siso ficará muito mais tranquila.